sexta-feira, 28 de outubro de 2011

DECIDIDAMENTE

Verbosidade não cria autoridade moral, composta pelo esforço no trabalho.
Adorno não forma beleza íntima, própria do burilamento da individualidade.
A fórmula exterior não comanda a eficácia da prece, dependendo da intenção de quem
ora.
A polêmica não dilata o poder da fé, derivado das experiências de cada qual.
A escola não administra a verdadeira vocação, síntese do aprendizado milenar do
espírito.
A biblioteca não da o conhecimento de nós mesmos, a nascer-nos do íntimo.
A moeda não compra a simpatia real, alicerçada nas forças profundas da
personalidade.
O mercado não vende o conforto da alma, alimentado pela consciência.
***
O conceito de reatividade dirige a existência, razão por que nos cabe compreender
todos os seres e cousas à nossa volta, conferindo a cada um a importância merecida,
conforme a função que desempenha.
Evoluir é discernir mais amplamente.
Entendamos, pois, através do estudo e da observação, o significado de cada
acontecimento, o objetivo, o significado de cada acontecimento, o objetivo de cada
instituição e o valor de cada pessoa, à luz do Evangelho Vivo, prevenindo o erro e
exalando a verdade, hoje e sempre.
◆◆◆
A;Luiz/I.Espírita/F.C.Xavier