quinta-feira, 29 de março de 2012

Estímulo

Não condenar, não inculpar, não agravar os problemas de quem resvalou no caminho.
Todos temos aprendido de Jesus acerca da tolerância.
Todos refletimos no impositivo da compaixão.
Ainda assim, se não é certo "atirar a primeira pedra" aos companheiros que tombam, desgovernados, será justo negar apoio aos que se levantam?
Urge fortalecer o bem onde o bem aparece.
Quantas vezes, o lidador capaz de produzir um milhão de horas em ação de benemerência, cai exausto a meio da caminhada por lhe sonegarem alguns minutos de incentivo ao refazimento?
Mães e pais, esposos e esposas, comumente isolados no conforto doméstico, suscetíveis de atingir até a longevidade em silencioso heroísmo, cedo se recolhem à enfermidade ou à desencarnação prematura, por não encontrarem no espaço estreito do lar, em anos a fio de labor e abnegação, uma frase ou um gesto só,aquecidos de reconhecimento e de amor, que os induzam a sofrer e a viver.
Não te dês à lisonja que desfigura o caráter de quem a propina e costuma envenenar a mente desprevenida naqueles que a recebem.
Onde encontres a intenção nobre "fazendo força" para servir, cunha a frase espontânea de estímulo ao trabalho por moeda invisível de compreensão e de afeto, à maneira de adubo na árvore iniciante.
Estrelas derramam raios de luz nas sombras da noite.
Fios dágua formam deleitosos oásis balsamizando o deserto.
Podes igualmente clarear o caminho dos que edificam estradas novas para o futuro e amenizar a sede de energia dos que jazem ameaçados pelo desânimo, à frente dos empeços que enxameiam, no mundo, os alicerces das boas obras.
Uma palavra de entendimento, um gesto de bênção para as criaturas que fazem o melhor de si para o bem dos outros.
Um olhar generoso, uma prece furtiva, um aperto de mão. Frequentemente, o coroamento de todo um apostolado depende apenas disso. Se duvidas, observa o poder da gota de óleo quando é chamada a lubrificar a máquina seca.
ANDRÉ LUIZ
(Sol nas Almas, 21, W. Vieira)

CRÉDITOS:
Children Image by Zolan
Gráficos exclusivos para a mensagem: Lori (Instituto André Luiz)
Loop Musical "Thanks to Life", de E.Cortazar
Ao repassar/republicar, favor conservar os créditos.
Exclusivamente para uso não-comercial.
By passing on /republish, please keep the credits.
Exclusively for non-commercial use.