sexta-feira, 28 de setembro de 2012

SACRIFÍCIOS

Um cristão genuíno visitou um faquir que se declarava interessado em
sofrer para conquistar o Reino de Deus.
Após saudá-lo, o recém-chegado indagou:
O senhor está realmente empenhado na busca do Reino dos Céus,
padecendo sobre aguilhões?
Sim - disse o homem - devo permanecer muito tempo por cima dos
espinhos que me dilaceram para conseguir entrar na Divina Graça.
Porque o interlocutor silenciasse, o faquir perguntou:
O amigo, acaso, tem outros recursos para que eu possa alcançar os fins
que desejo?
O visitante esclareceu:
Respeito o seu modo de crer, mas admito que encontraremos mais
depressa o caminho do Reino, em nos dedicando às boas obras e servindo aos
semelhantes, por amor a Deus, suportando, sem reclamar, os espinhos das
críticas e das injúrias de todos aqueles a que procuremos prestar esse ou
aquele benefício.
Só então o faquir se ergueu do leito de farpas e começou a pensar.
(do livro Recados da Vida)Emmanuel/FCXavier