segunda-feira, 22 de abril de 2013

Instrumento Divino

Deus, com Sua infinita bondade e misericórdia, de tempos em tempos, envia, à nossa morada, pessoas que representam o Seu amor.
Ele canta para todo o mundo através de artistas que nos mostram uma beleza inimaginável em suas vozes e composições.
Wolfgang Amadeus Mozart tinha somente quatro anos quando compôs seu primeiro concerto e aos doze anos de idade, tinha composto uma ópera completa.
Verdadeiro prodígio infantil, dava recitais para reis e imperadores na sua época.
Foi rapaz irreverente,mas de sua alma saíam as mais belas notas jamais tocadas.
Em suas composições há uma mistura de sons onde os instrumentos harmonizam o conjunto com imenso encanto.
Criou uma música carregada de inquietação e de muita emoção e através dessa melodia, celebrava a glória Divina.
Nos braços de Madre Tereza de Calcutá, pobres abandonados de todo o mundo encontraram conforto e esperança. Deus oferecia o Seu abraço.
Ela escolheu viver com sacrifício e renúncia, doando-se ao próximo e servindo a Jesus em muitos lugares.
Não importava a qual religião pertenciam as pessoas que ajudava, pois ela sabia que todas as religiões que nos ligam verdadeiramente ao Alto, são como flores de um mesmo jardim.
Através do exemplo de vida de Francisco Cândido Xavier, Deusmostrou ao mundo a humildade, a paciência e a esperança.
E na vida de outro Francisco, o de Assis, na Itália, o Pai Celestialnos apresentou a grandeza da fé.
Através de Jesus Cristo, nosso Divino Amigo, Deus nos mostrou o roteiro seguro a seguir, caminho para a verdadeira felicidade.
*   *   *
Há muitas pessoas anônimas que transitam pelo mundo espalhando bênçãosDivinas.
Todas as vezes que nossos sorrisos ensinam alguém a sorrir, que nossos abraços transmitem afeto, que nossa ajuda ao próximo é desinteressada, estamos nos permitindo ser instrumentos do Criador.
Eleage através de cada um de nós.
Podemos ser, a todo instante e em qualquer lugar, uma dessas pessoas que representa a bondade Divina na Terra.
Basta que deixemos que o Seu amor nos permeie totalmente e comande nossa vontade com sabedoria.
Mesmo que não tenhamos grandes talentos para encantar o mundo, nem dons espetaculares, todos têm algum bem espiritual para oferecer à Humanidade e, dessa forma, ajudar a construir um mundo melhor e uma sociedade mais feliz.
Busquemos descobrir os valores que possuímos e os coloquemos em benefício do próximo.
Deus nos presenteia com inúmeras bênçãos, procuremos também oferecer-lhe os mimos da nossa conduta.
Há quem caminhe pelo mundo necessitando de companhia. Sejamos nós a oferecer a amizade sincera.
Encontramos com frequência alguém a quem podemos estender a mão. Uma palavra gentil sempre será bem-vinda. Um sorriso sincero pode iluminar o dia de um caminhante solitário.
Não permitamos que as pessoas se afastem de nós sem levar algo bom de nossa presença.
Com atitudes simples e exemplos singelos, pautados nos ensinamentos cristãos, nos tornamos um valioso instrumento para Deus.
                                
Redação do Momento Espírita.